2.6.08

Guilherme Silva, Engenheiro Informático, Waterford, Irlanda

Enquanto tirava o curso, na FEUP, nunca pensei muito em ir para o estrangeiro, não sei bem porquê. Por isso, nunca tive vontade de concorrer às vagas de Erasmus. Entretanto, fiz o estágio de final de curso numa empresa no Porto, e por lá continuei depois de formado (2005). No total, cerca dois anos.

Não me podia queixar do emprego. Estava relativamente bem. Mas começou a surgir uma vontade de sair de Portugal. Para onde, não sabia.
Um ano depois de amigos meus terem ido para a Agência Espacial Europeia, na Alemanha, através de um programa da ADI (Agência de Inovação), finalmente me decidi a tentar uma aventura lá fora.
Em Abril de 2007, estava em Frascati, Itália, perto de Roma. Não tendo feito Erasmus, acabei por ter ali uma experiência não muito diferente. Como trainee na ESA, conheci muitos outros numa situação semelhante. As pessoas que conheci, os sítios por onde passei, e a experiência em si contribuiram para que fosse um dos melhores anos da minha vida.
Com a possibilidade de ficar por mais um ano optei, no entanto, por experimentar algo novo. Depois de várias pesquisas, e de ler vários testemunhos, muitos dos quais neste blog, fiquei com vontade de conhecer a Irlanda.
Depois de várias candidaturas, a primeira possibilidade concreta foi Waterford, no sudeste. Uma cidade pequena, mas que me pareceu um bom ponto de partida para descobrir o país.
Vim para cá no final de Abril de 2008. Ainda estou para descobrir se há mais algum português por aqui, já que a maior parte deve estar em cidades maiores.
Por quanto tempo cá ficarei, ou para onde irei a seguir, não faço ideia. Embora considere a possibilidade de voltar a Portugal, penso que nos próximos tempos estarei mais inclinado para continuar a aventurar-me cá fora. Não por pensar que não tenho lugar no meu país. Talvez esteja ainda à procura do meu lugar neste mundo.

eusouumdiospiro.blogspot.com

1 comment:

Fénix said...

Olá Guilherme,

Sim, de facto existem mais portugueses em Waterford, pessoas extraordinárias e profissionais fora de série... entre eles, alguns amigos meus :( snif! snif! para mal das minhas saudades :) Força e tudo de bom, que no mínimo venha a ter uma tão boa experiência por terras da Guiness ;)